terça-feira, 28 de agosto de 2012

O GRANDE CONSTRUTOR DE PONTES



CONSTRUÍNDO PONTES

Ponte é uma construção que permite interligar ao mesmo nível pontos não acessíveis separados por rios, vales, ou outros obstáculos naturais ou artificiais.


As pontes são construídas para permitirem a passagem sobre o obstáculo a transpor.

A ponte é a ligação entre dois ou mais pontos.

Um diálogo pode construir uma ponte, mas existem pessoas especialistas em contruir muros.

Jesus é a ponte que nos une a Deus, e nós deveríamos ser a ponte que une o perdido à salvação em Cristo. No mundo atual as pontes de diálogos estão diminuindo, a vida secular, os compromissos e a agenda nos tornam uma pesada chek list com tarefas que ocupam 12 horas do dia e à noite dormem conosco.

Precisamos ser pontes que ligam a graça salvadora de Cristo com o pecador, mas para isso precisamos renegar, renunciar alguns apegos humanos para tecer pontes que levam à eternidade com Deus.

O maior contrutor de pontes(Deus) ensinou que é através de pontes que encontramos a vida eterna em Cristo. Sua ponte eterna para salvação se fez através do sangue de Jesus e está disponível para quem quiser transpor essa ponte. Mas existem pessoas que não sabem disso. Como crerão se não há quem pregue? Então o grande engenheiro nos convoca a construírmos pontes, a sermos a ponte que transpõe o abismo.

Que vai? Eis-me aqui!

Cássia Lucas.



segunda-feira, 20 de agosto de 2012

COMO PEDRO!



Pai, como e difícil conseguir viver uma vida sem perder o foco de Ti, pois muitas vezes somos iguais a Pedro, temos ousadia para Te entregar algo, mas quando sentimos algo diferente logo perdemos o foco de Ti e começamos a nos afogar por causa de uma simples tempestade... (Mateus 14:22-33).


Mas Deus é tão lindo que mesmo assim ele não desiste de nós. Quando estamos nos afogando Ele estende Sua mão, perdoa nossa ignorância e permanece ao nosso lado esperando que atentamos nosso ouvidos ao que tem a falar conosco...

Pai, nos ajuda a desejar abrir mão das nossas vontades pra viver os Teus planos, a negarmos a nós mesmo, a tomarmos nossa cruz e verdadeiramente sermos uma resposta ao Teu amor. Sei que irá doer, mas sei que todo Pai que ama corrige seu filho, pois é na correção que entendemos que estamos indo pelo caminho errado, e percebemos o tamanho do Teu amor por nós, pois por mais que erremos o Senhor estende as mãos para nós e fala “não desista, pois você e capaz de vencer, pois eu venci o mundo e estou contigo...” Joao 16:33.

TE AMO DEUS


Felipe Lima

terça-feira, 2 de novembro de 2010

INCLUSÃO, O CAMINHO PARA BUSCAR O PERDIDO

BUCHADA E CACAU
LYGIA E LOD
NÓS E UMA GALERA QUE SE APROXIMOU
BUCHADA E DAVI
LOD E LYGIA

MENINOS QUE CONHECEMOS LÁ...OREM PELA VIDA DELES!

Inclusão, do verbo incluir (do latim includere), significa conter em, compreender ou participar de. Inclusão de uma tribo diz respeito ao ato de incluir e à condição de o participante sentir-se contido no meio de outra tribo, participando e contribuindo com seu potencial para projetos e programações daquela tribo onde acabou de chegar.

Fala-se hoje em inclusão onde antes a referência era apenas de inserção. Inclusão é algo a mais do que simplesmente inserir. Inclusão é participação integrada, ou seja; para pensarmos em inclusão devemos também pensar seriamente na, integração.

A questão da diferenciação terminológica entre integração e inclusão é considerada por muitos como desnecessária. Por outro lado, ela tem sido bastante útil para que possamos compreender as mudanças que vêm sendo propostas no que se refere ao tratamento dado às pessoas que pertencem a outras tribos..
Desde que,começou-se a formar tribos com novas culturas, costume e rituais diferentes e opostos aos valores, as pessoas de outras tribos deixaram de ser tratadas como perdidos a serem resgatados, e vistos como desvalidos castigados por Deus, a diferença passou a ser considerada como motivo de crítica e alvo de olhares tortos. Concebida, diagnosticada e estudada como escoria da sociedade, como tal passou a ser tratada: aí está a raiz do chamado paradigma de reabilitação, que traz como princípio básico a idéia de recuperação, tendo como parâmetro o que é considerado normal. Como o vestir e os adornos que se usa.
O conceito de normal, e daquilo que não o é (o desvio) é bastante complexo. Para esta reflexão vamos apenas lembrar que o critério de normal não é apenas estatístico (aquilo que é maioria), mas também ideológico (aquilo que é ideal); atualmente, por exemplo, considera-se que o normal (ideal) é o corpo magérrimo das Top-models, embora este seja um padrão inatingível para a grande maioria da população.
Em relação às pessoas de tribos diferentes, elas são facilmente enquadráveis em qualquer critério para se definir e mensurar desvio, afinal a sua aparência é uma diferença significativa aos nosso olhos “normais”. Os tratamentos destinados a estas pessoas, então, colocam como meta os padrões de normalidade, que devem ser buscados o máximo possível para que a pessoa (reabilitada), possa integrar-se à tribo dos normais. Aí se define o conceito de Integração.
Integrar-se é um caminho de mão única: cabe à os “normais” esperar que Deus transforme aos poucos o interior e exterior dessa pessoas que erstão se achegando e se integrando à nossa tribo, mas que essas pessoas mudem para agradar a Deus, e nunca modificar-se para poder dar conta das exigências da sociedade. É um processo de seleção, processo que atinge todas as pessoas, uma vez que vivemos em uma sociedade altamente competitiva; com as pessoas de tribos diferentes, no entanto, o processo se faz mais perverso: não lhes é dada nem a oportunidade de competir, elas são excluídas por princípio, o princípio da diversidade, do incomum exterior que eles tem..
Olhados como incapazes, devem ser reabilitadas, se não reabilitadas adequadamente, não podem se integrar.
Ora, mas basta olharmos em nossa volta para percebermos que a diversidade é a regra. Não há homogeneidade na natureza, não há homogeneidade entre os homens. Não é mais possível basear nossos pensamentos e ações na idéia dos iguais entre os iguais (e isso vale para todas as categorias de excluídos).
É a partir do princípio do respeito à diversidade que se firma o movimento da Missão dos Profetas Urbanos ES. De maneira nenhuma se propõe a negação das diferenças, mas sim o respeito a elas. Não se propõe a igualdade burra, do tipo < style="mso-spacerun:yes"> todos errados >, mas a eqüidade: a todos, oportunidades iguais, a cada um segundo sua necessidade, segundo a sua tribo. Não se trata de preparar para integrar, mas de incluir e transformar, pelo respeito, oração, cuidado e discipulado do Espírito Santo de Deus.

A Paz de Cristo!

Cássia Lucas

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

QUEM SÃO OS SKINHEADS?




Skinheads, ou carecas, são jovens simpatizantes do nazismo, que se mostram intolerantes com minorias, pregando o combate a negros, judeus, homossexuais e nordestinos.

Apesar das cabeças raspadas, nem todos adotam o mesmo visual_coturno, jeans, tatuagens, roupas do exército_ e muitos rejeitam a classificação "skinhead", por ser uma palavra norte-americana.

Existem vários grupos de skinheads. O mais conhecido é o Carecas do ABC, responsável pela morte do adestrador Edson Neris da Silva, em fevereiro, na praça da República, centro de São Paulo. Outros grupos conhecidos são os Carecas do Subúrbio e os Carecas do Brasil.
Os skinheads surgiram na década de 60, na Inglaterra, entre jovens da classe operária, insatisfeitos com a situação econômica e política do país. A cabeça raspada e o uso de suspensórios, camisas pólo brancas, tatuagens, jeans e botas militares são características ligadas aos seguidores do movimento.

Normalmente associados ao Nazismo e ao Racismo, nem todos os grupos skinheads são adeptos a essas práticas. Existem grupos ligados à tradição skinhead que reúnem anarquistas, punks, hippies e homossexuais. Devido à participação do grupo em atividades nacionalistas, na década de 70, e aos hooligans, torcedores fanáticos ingleses conhecidos por sua agressividade, os skinheads tiveram a imagem associada à violência.

O movimento skinhead neo-nazista, facção mais violenta do grupo, começou a crescer na Rússia, durante o conflito separatista com a Chechênia. Os neo-nazistas são xenófobos e adeptos da “limpeza racial”. Eles são responsáveis por violentos massacres de imigrantes, negros e homossexuais em todo mundo.

ORE POR ELES...ORE POR NÓS QUE VAMOS AO ENCONTRO DELES...ELES PRECISAM CONHECER A VERDADE QUE LIBERTA!!!!!

O QUE VOCÊ ESTÁ ESPERANDO?? VAMOS BUSCÁ-LOS PARA O REINO, PARA A SALVAÇÃO!!!!!!! PARA CRISTO!!!!!!!!!!!COMO CRERÃO SE NÃO HÁ QUEM PREGUE??????

MINISTÉRIO PROFETAS URBANOS ES VAI....E VC??????

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

A PAZ




“Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou;
não vo-la dou como o mundo a dá...”
– Jesus. (JOAO, 14:27.)
A paz do mundo costuma ser preguiça cultivada, e isso é inútil. Mas a paz do espírito está a serviço da renovação de nossa mente, mas isso é proveito constante.
Vejamos o exemplo disso em Jesus:
As portas onde Maria e José bateram lhe negaram um berço, não havia lugar.
Mas o Senhor revelou sua paz na estrebaria.
Herodes perseguiu-lhe, impiedosamente, a infância tenra.
Jesus, porém, transferiu-se de residência, em favor do apostolado que trazia,andou pelo deserto, sentiu fome e sede, mas ofereceu o pão e ainda mais, ofereceu o pão espiritual, porém sofreu
tranqüilo, a imposição das circunstâncias.
Negado em Jerusalém pelo seu povo, refugiou-se, feliz, em barcas pobres da Galiléia,
Amando e servindo os necessitados e doentes recebia, a cada passo, os golpes da
astúcia "legalistas mestres letrados e oportunistas de teu tempo; contudo, jamais deixou, por isso, de exercer, imperturbável, o ministério do amor e paz.
Foi abandonado pelos amigos, delatado pelo que o beijara no rosto e entregou-se serenamente à prisão injusta.
Sob a injuriosa fúria da multidão foi açoitado em praça pública e levado à
crucificação injusta, mas voltou da morte, envolto de paz sublime, para fortalecer os
companheiros acovardados por suas almas atribuladas pelo pavor e ajudar os próprios sanguinários.
Lembre-se, assim, o exemplo do Majestoso instituidor da paz e não procures segurança para si fora do dever corretamente cumprido, ainda mesmo que isso te custe o sacrifício supremo.
A paz do mundo, quase sempre, é aquela que se consuma com o descanso dos cadáveres a
se dissociarem na inércia, mas a paz do Cristo é o serviço do bem eterno, em permanente
ascensão.
A construção de um mundo pacífico não é coisa que se possa realizar redigindo um tratado.É preciso tempo para elaborar as relações entre os seres humanos; mas se aspiramos a paz, isso deve ser feito.A paz passa a reinar no dia em que Cristo reina na nossa mente. Muito mais do que simples ausência de guerra, a paz define o estado do homem que vive em harmonia com Deus, consigo mesmo e com os outros.

Cássia Lucas.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

COMO CRERÃO SE NÃO HÁ QUEM PREGUE? PANFLETAGEM NAS SINALEIRAS DE VITÓRIA NO DIA 02 DE OUTUBRO DE 2010.

Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue? (Romanos 10:14)










Você já parou pra pesar que você faz parte de um plano maior...que você não está sozinho nesse mundo? Calma...não estou falando de ET's, compartilhando conosco o nosso universo. Quero dizer que há um plano maior pelo qual fomos criados? O Plano MASTER (The Masterplan). Pois é e assim fazemos parte desse plano que é o PLano máximo de Salvação. Foi esse plano bolado por Deus que nós fazemos parte. Um plano objetivando o retorno a um relacionamento íntimo com Ele. Quando pecamos lá no éden, por adão...nos afastamos daquele relacionamento face a face que tínhamos com Deus. Deus nos criou para que pudéssemos ter um relacionamento com Ele. E quando caímos e perdemos esse privilégio, o Deus Eterno começou a elaborar o Masterplan, de Salvação do homem. Enviou seu filho Jesus para ser morto e se fazer pecado por cada um de nós, para que pudéssemos reatar os laços e pudéssemos mais uma vez acesso a ele. Quando ele disse: ESTÁ CONSUMADO e o véu do templo se rasgou, aconteceu que o homem dali pra frente poderia novamente entrar na presença de Deus. E você querido irmão que está lendo, você é o alvo desse plano maravilhoso de Deus. Relacionar-se com ele é uma grande honra. Aproveite e já cada vez mais fundo que você puder pois o Deus de toda Glória é inesgotável. Portanto o quanto que vc buscar vai ser o tanto que você vai ter da vida de Deus. Quero muito que vc fique insatisfeito e busque sempre mais de Deus. E que o Pai te leve a novas alturas de relacionamento e de intimidade com ele. Intimidade se dá com RELACIONAMENTO. RELACIONE-SE COM O DEUS ETERNO e você vai ver o que vai acontecer...então...

Que "O Mestre dos Mestres", o ensine que nas falhas e lágrimas se esculpe a sabedoria.

Que "O Mestre da Sensibilidade" o ensine a contemplar as coisas mais simples e a navegar nas águas da emoção.

Que "O Mestre da Vida", o ensine a não ter medo de viver e a superar os momentos mais difíceis de sua história.

Que " O Mestre do Amor" o ensine que a vida é o maior espetáculo no teatro da existência.

Que "O Mestre Inesquecível" o ensine que os fracos julgam e desistem, enquanto os fortes compreendem e têm esperança.

Não somos perfeitos. Decepções, frustrações e perdas sempre acontecerão. Mas DEUS é o artesão do espírito e da alma humana. Não tenha medo.

Necessário é manter o foco, o alvo.

Essencial é buscar virtude de quem é a fonte da virtude.

Natural seria vivermos a plenitude.

Natural seria viver além do natural.

Natural seria uma REVOLUÇÃO.

Cássia Lucas


sábado, 6 de fevereiro de 2010